Ao utilizar este site, concorda com o uso de cookies de acordo com a nossa Política de Cookies.

concordo

15 Fevereiro, 2021

Artur entre Paredes

img

Estreia hoje na RTP "Artur entre Paredes", um documentário com realização de Ivan Dias, co-produzido pelo Museu do Fado.

A história de Artur Paredes através de sons, fotografias e filmes de arquivo, mas também do testemunho dos que com ele conviveram e o admiraram. As memórias de Octávio Sérgio, que acompanhou de perto este génio da guitarra de Coimbra, são intercaladas com interpretações da obra de Artur Paredes por Paulo Soares, um dos mais relevantes guitarristas das últimas décadas, que se dedica exclusivamente ao estudo e ensino do instrumento. Participam também o construtor de guitarras Gilberto Grácio, o advogado de Carlos Paredes e músico da canção de Coimbra Levy Baptista e o historiador António Nunes. Amadeu Magalhães no cavaquinho e Pedro Jóia na guitarra clássica interpretam também dois temas de Artur Paredes, revelando a sua universalidade musical.

 

 

Podia ser entre quatro Paredes: Manuel, Gonçalo, Artur e Carlos. Uma família de devotos de um instrumento que, primeiro, era apenas uma guitarra nas mãos de Manuel Paredes; depois, foi de Coimbra, tocada por Gonçalo Paredes e revolucionada por Artur Paredes; finalmente, foi Portuguesa, pela mão de Carlos Paredes! Coimbra foi também "os seus amores". Uma cidade de estudantes que nunca viu os Paredes pelos caminhos da Universidade, mas que praticamente lhes concedeu um Doutoramento Honoris Causa. Entre tão ilustres músicos na mesma linhagem é Artur Paredes quem marca em definitivo a viragem do instrumento e o crava na memória da cidade. Uma cidade que inclusivamente o viria a recordar em poemas de Manuel Alegre e José Régio.

 

 

40 anos depois do seu desaparecimento e na véspera do aniversário do seu filho Carlos Paredes, é tempo de recordar Artur Paredes, o génio da guitarra de Coimbra! Esta noite, pelas 22h47, na RTP. 

 

ArturentreParedesframeTitulosite


Co-produção: Museu do Fado / Egeac