Ao utilizar este site, concorda com o uso de cookies de acordo com a nossa Política de Cookies.

concordo

Conheça melhor:

Grupo de Fados ISEP

(12 Junho, 1905)

O Grupo de Fados do ISEP nasceu nos finais de 1990 com a primeira formação que se apresentaria à Academia no Sarau da Queima das Fitas do Porto de 1991 no Teatro Rivoli. Lançava-se assim um novo grupo Académico que com dois vocalistas, duas guitarras Portuguesas e duas violas interpretava o Fado.

Uma nova formação surge entretanto com objectivos mais ambiciosos e definidos, baseados no prazer comum do romantismo que uma serenata de Fado traz associada. Durante alguns anos foram apresentados temas tocados e cantados de forma própria e com sentido de evolução crescente. Poderemos dizer que esta era uma “aprendizagem” a que nos dedicamos com vigoroso empenho.

Com esta formação vivemos a geração de grupos de Fado que entretanto surgiram, como o Grupo de Fados da Universidade Católica e o Grupo de Fados de Ciências – U.P., naquilo que podemos chamar a “Geração de 90”. O encontro de grupos em pequenas tertúlias, que periodicamente se repetiam, deu origem a uma evolução de tocadores e intérpretes e aquilo que consideramos mais importante – temas de Fado do Porto e para a Academia do Porto. É nesta procura de uma nova sonoridade e novos caminhos que surge o tema “Adeus Saudade” – Balada de despedida ISEP 97, apresentada na Monumental Serenata da Queima das Fitas do Porto e que em Dezembro de 1998 daria nome ao 1º registo do Grupo.

As formações seguintes nasceram daí, herdeiras de uma consolidação de conhecimentos e com uma pré-definida metodologia de trabalho, contam já com vários originais dedicados ao Porto, à nossa cidade, ao nosso Instituto e à nossa Academia, numa rendida homenagem de referências e influências sentidas nesta aurora da nossa vida… académica.

Foi baseado neste espírito inovador e de procura de novos rumos para o Fado Académico que surgia no Porto, que o Grupo de Fados do ISEP, conjuntamente com a sua Associação de Estudantes, idealizou e concretizou a “I Grande Noite de Fado Académico do ISEP”, numa iniciativa inédita que juntou academias e gerações do sempre amado Fado de Coimbra.

Em 2009 a “XI Grande Noite do Fado Académico” segue o exemplo da décima edição (homenagem a Adriano Correia de Oliveira) e inclui no seu programa cultural uma semana dedicada ao homenageado e intitulada “Tempo de homenagem a Francisco de Vasconcelos”.

A iniciativa “Tempo de Homenagem” assume um carácter inter-institucional que inscreve a obra do homenageado e o seu percurso de vida partindo do Fado como coisa presente e permanente. Apelando a novas visões e assumindo os riscos dessa decisão o Grupo de Fados do ISEP convidou escolas e personalidades de diversos campos do conhecimento a produzir obra sobre a vida e obra de Francisco de Vasconcelos.

Nesse âmbito foi produzida uma exposição foto biográfica (“À procura de um Fado” – Olívia da Silva – ESMAE), um filme (“À procura de um Fado” – Jorge Campos - ESMAE), uma linha gráfica (Catarina, Diogo e Rafael - ESAD), um livro (“Poemas Brancos” – Francisco de Vasconcelos), dois discos duplos (“Coimbra o Fado e eu”, obra musical completa de Francisco de Vasconcelos; “Hora Torguiana” – Grupo de Fados do ISEP com participação da Orquestra do Norte), Colecção de Azulejos “Francisco de Vasconcelos, O Fado e o Porto” (40 peças + uma – Adosinda Pereira), sessões de aula aberta e conferências. Em pré-publicação está um álbum fotográfico, um CD e dois DVDs centrados na XI Grande Noite do Fado Académico e que aguardam financiamento.

Nesta produção cultural surge com particular relevo a “Sessão de Fado para Surdos – Silêncio Fado Silêncio” que trilha um caminho em que o Fado, como património colectivo, vai ao encontro dos que o sentem sem que o ouçam.

Em 2010 a itinerância do “Tempo de Homenagem a Francisco de Vasconcelos” foi recebida pelo Museu Fado e seguirá um programa de itinerância nacional. A 06 de Novembro realiza-se a XII Grande Noite do Fado Académico que decorrerá no Edifício da Alfandega do Porto e a III Semana do Homenageado (06 a 14 de Novembro) no Clube Literário do Porto.

 

Fonte:

Texto elaborado pelo Grupo de Fados do ISEP

 

Grupo de Fados do ISEP

Grupo de Fados do ISEP

Grupo de Fados do ISEP

Grupo de Fados do ISEP

Grupo de Fados do ISEP

  • Ser Moço Grupo de Fados ISEP (Francisco de Vasconcelos / Nuno Lacerda)