Ao utilizar este site, concorda com o uso de cookies de acordo com a nossa Política de Cookies.

concordo

Marco Oliveira - Esgotado

“Tens consciência de que vais fazer um disco muito triste? 
Faz lembrar o poema 'Ah quanta melancolia' do Pessoa.  
Tu tens uma imensa amargura — a amargura domina o conjunto todo.”  

José Mário Branco, 26 de Maio de 2019  

 
Marco Oliveira apresenta no Museu do Fado o seu terceiro álbum, "Ruas e Memórias". Gravado em Novembro de 2019, permanecerá como a última produção musical em estúdio de um dos mais importantes nomes da cultura portuguesa: José Mário Branco que, além da produção musical, assina os arranjos e a direcção musical deste trabalho discográfico. 

Não só por ser um disco "puro" de fado, ou por ser um disco de música portuguesa, "Ruas e Memórias" é uma homenagem à cidade de Lisboa. É também um redescobrir das raízes poético-musicais de Lisboa, da vida e identidade cultural portuguesa, depois de um ano de confinamento e salas fechadas, músicas adiadas, ouvidos vazios.  

Pretende-se um reencontro com a cultura popular urbana, sobretudo com as grandes figuras emblemáticas do fado, dando assim continuidade a um longo trabalho de recolha de manifestações populares artísticas e de tradição oral para as próximas gerações. 

Compositor, cantor, poeta, escritor e músico, Marco Oliveira vive a música e a poesia que nela se encontra de forma marcante,  com  uma  imensa  serenidade  e  imensa  presença.  As  suas  interpretações  são inesquecíveis. A sua obra, magnífica. 

 

Marco Oliveira: Voz e Guitarra Clássica
Ricardo Parreira: Guitarra Portuguesa
Carlos Barretto: Contrabaixo

Foto: © Adriano Fagundes

 

"'Ruas e Memórias' não é apenas um disco.
É a última fala, o último sorriso, o último instante.
E o primeiro momento em que decido não deixar morrer um mestre"

 Marco Oliveira