Ao utilizar este site, concorda com o uso de cookies de acordo com a nossa Política de Cookies.

concordo

Berta Cardoso

24 Junho, 2006 a 22 Outubro, 2006

img

No dia 23 de Junho às 19h00, o Museu do Fado inaugura a exposição sobre a fadista Berta Cardoso.

Activa num período deslumbrante da história do Fado, Berta Cardoso ocupa um lugar de absoluta centralidade, no inventário das suas memórias. Enquanto protagonista, viveu e testemunhou as grandes mutações nos contextos de produção e divulgação da canção urbana, presenciando historicamente um período áureo da sua história, na qual teve papel activo e pioneiro ao longo de uma carreira de 55 anos. 

Desde 1927, data da sua estreia artística, Berta Cardoso desenvolve uma vastíssima carreira com incursões pelo teatro e pelo cinema, protagonizando os primeiros momentos da internacionalização do Fado no Brasil e no continente africano – em Angola, Moçambique e na Rodésia. 

A voz de timbre modulado e forte, dotada de irrepreensível dicção, o estilo próprio vincado a cada interpretação, a expressividade impressa ao momento do canto, contam-se entre os atributos que lhe conferiram um lugar de destaque no universo fadista do seu tempo. 

Dos salões às casas típicas, do palco da Revista à grande tela, a arte de Berta Cardoso celebrou e animou Lisboa ao longo de 55 anos, consagrando, na sua Voz maior, os textos e as composições de um vasto universo de autores.