Museu do Fado
siga-nos em:
Personalidades
 
Jaime Dias
( 23 Outubro, 1954 )
Jaime da Glória Dias nasceu e cresceu em Alcântara. Foi nesta zona que, ainda criança começou a cantar fado, teria cerca de 10 anos. O fado de Jaime Dias é castiço, pleno de força e sentimento, onde vemos a influência do seu ídolo, Fernando Maurício, apresentada num estilo muito próprio.

Jaime da Glória Dias nasceu e cresceu em Alcântara. Foi nesta zona que, ainda criança começou a cantar fado, teria cerca de 10 anos.

A qualidade da sua interpretação rendeu-lhe a atribuição de diversos prémios, em particular entre 1985 e 1991. Concorreu por 3 vezes ao concurso Grande Noite do Fado, à data realizado no Coliseu dos Recreios de Lisboa. Em1988 conquistou o 3º lugar, em 1989 recebeu o 2º lugar e, em 1991, sagrou-se vencedor, em representação do Grupo Desportivo da Mouraria.

Jaime Dias integrou o elenco da casa de fado “Os Ferreiras”, durante 14 anos, junto de Fernando Maurício, fadista que é, ainda hoje, a sua maior referência. Posteriormente fez parte dos elencos da Parreirinha de Alfama e do Restaurante S. Miguel. Paralelamente tem realizado espectáculos um pouco por todo o país e, também, no estrangeiro, onde actua para as comunidades emigrantes da Alemanha, da Holanda, e em cidades como Newark, Toulouse ou Bruxelas.

O fado de Jaime Dias é castiço, pleno de força e sentimento, onde vemos a influência do seu ídolo, Fernando Maurício, apresentada num estilo muito próprio.

As suas interpretações estão registadas em 7 cd’s e algumas compilações, dos quais destacamos os títulos “Esta noite choveu fado”, “Emoções”, “Todo Voz e Fado” ou o mais recente “Tradicional”, gravado em2012.

O estilo interpretativo de Jaime Dias serve também de inspiração a gerações mais jovens, de que são exemplos fadistas Pedro Galveias e Ricardo Ribeiro.

O bairro da Mouraria “adoptou-o” e hoje a sua imagem está no Largo das Olarias, retratado numa fotografia de Camilla Watson, na exposição de fotografia mural “Retratos do Fado – Um Tributo à Mouraria”.

Selecção de fontes de informação:

https://www.facebook.com/jaimedias.fadista

Última actualização: Fevereiro/2014